[Trilha Sonora] A seta e o alvo

O ano começou e eu aqui pensando sobre metas – e como elas me atrapalharam nos últimos anos.

Às vezes acho que a vida é mesmo uma grande festa que a gente perde porque “foca” na meta (e está falando a pessoa mega rabugenta e nada festeira da turma).

Que essa vida é rumo ao NADA (que é o desapego de tudo isso que nos cerca para entrar em flow) eu já sei. Mas também sei que volta e meia eu acho que conheço o fim da estrada (e me engano sempre).Ou seja, até tento colocar a seta no alvo, mas ele na certa não existe muito menos espera.

Até que ponto a Vida se entrega inteira pra gente e nos satisfazemos com metade?

Elisa Rodrigues

P.S.1: Essa música linda do Paulo Moska está na minha playlist no Spotify.

P.S.2: Aqui é o perfil do desabafo 😂. Certezas maiores você encontra lá no www.elisarodrigues.com.br

Elisa Rodrigues Autor

Buscadora. Inquieta. Sonhadora. Rabugenta (às vezes). Cheia de ideias. No mundo externo, sou terapeuta e facilitadora. No interno, sou uma exploradora da beleza do caminho. Veja mais sobre o meu trabalho terapêutico em www.elisarodrigues.com.br